Soluções em Envelopes Plásticos

5 coisas que você precisa saber sobre entregas no e-commerce

5 coisas que você precisa saber sobre entregas no e-commerce

A forma como o produto chega na casa do cliente é uma etapa fundamental da venda. Um dos erros mais comuns das lojas de e-commerce é não se preocupar com esse ponto.

Mas ignorá-lo, poderá acabar gerando um grande nível de frustração no consumidor. Dependendo do que ocorrer, pode acabar fazendo com que você perca futuras vendas.

A equipe da Veloplastic separou 5 pontos que podem te ajudar a melhorar as entregas, sanar esses problemas e ampliar as suas vendas! Confira! 😉

1. Como funcionam as entregas no Brasil?

Antigamente, o contentamento do consumidor estava em entrar em uma loja, escolher o produto, comprá-lo e levá-lo para casa. Quando não havia a mercadoria desejada, o cliente tinha a opção de encomendá-la, e esperar um pouco para recebê-la em casa.

Vinte anos atrás, tudo isso não parecia ser tão doloroso, mas com a chegada dos Smartphones e com a comunicação se tornando instantânea, a sociedade tem se tornado cada vez mais ansiosa.

Atualmente, as pessoas têm a necessidade do imediatismo, isso obviamente se estende aos bens de consumo. Logo, quando o cliente opta por comprar pelo e-commerce, ao invés de ir aos PDV tradicionais, está abrindo mão do contato físico com o objeto.

Essa abertura é feita na busca por descontos, mais variedade ou outros quesitos que o cliente veja como vantagem. As lojas virtuais são repletas de fotos e depoimentos que o motivam a desejar um produto, comprá-lo e ansiar pela entrega.

Os problemas começam quando o objeto de desejo está distante, demora para chegar ou pior: nunca chega.

A Assessora técnica do Procon-SP Vanessa Morais relatou em entrevista para o G1 que a “Demora e não entrega são campeãs de reclamações nas compras online”. E não é para menos, afinal sites como Reclame aqui registram milhares de reclamações dos usuários por dia.

O erro mais comum das lojas menores é importar os produtos, colocá-los como “disponíveis”, mas não checar o estoque ou pior: confiar no tempo de entrega das distribuidoras.

A maioria dos produtos é importado da China, e vem pra cá de navio. O problema é que dificilmente uma loja irá enviar apenas um tipo de mercadoria, logo o “ship” virá quando houver encomendas o suficiente para o país.

Se você teve sorte em sua primeira encomenda, e elas chegaram em menos de 15 dias não confie que será sempre assim! Muitas vezes uma encomenda pode demorar até mesmo três meses para chegar ao Brasil.

Isso sem mencionar o tempo que pode passar presa nos processos aduaneiros. Por isso, não minta para seu cliente. Seja realista sobre os prazos, e de preferência trabalhe sempre com produtos disponíveis para a pronta entrega.

2. Quais são os 5 principais serviços de transporte de carga disponíveis no Brasil?

Não se pode negar que o e-commerce impulsionou o crescimento mundial varejista. Graças ao aumento das demandas de oferta e procura fez-se necessário repensar os modais de transporte de carga.

O jornal eletrônico da Pretex criou um guia ilustrando as vantagens e desvantagens de cada modal. Coletamos as informações lá e trouxemos para você, confira:

  1. Rodoviário:

O meio mais comum de transporte, composto por carros, motos, caminhões e outros veículos que locomovem por meio das estradas do país. De acordo com artigo:

Vantagens Desvantagens
vasto alcance alto custo
facilidade para contratar pedágios
rota flexível baixa capacidade de carga
menos burocrático distâncias curtas
amplo investimento governamental maiores riscos para extravio
  1. Aéreo:

Realizado por meio de aviões, jatos, helicópteros e outros veículos que possam utilizar o espaço aéreo nacional. Os autores apontam que:

Vantagens Desvantagens
longas distâncias carga limitada
ignora acidentes geográficos custo elevado
trânsito exclusivo necessita de terminais de acesso
menor tempo de entrega depende de outros modais
amplo investimento governamental
menor custo com embalagens

Curiosidade: em 2016 a gigante de e-commerce Amazon.com começou a testar drones para despachar suas entregas. O objetivo era proporcionar entregas super rápidas, que chegariam em até 30 minutos na casa do cliente. Por hora, os preços para realizar esse tipo de transporte ainda são muito elevados.

Mas sonhar é de graça! Nós já conseguimos imaginar uma pizza quentinha, chegando voando (literalmente) em nossa empresa. E você? O que gostaria que chegasse rapidamente quando você mais precisa?

  1. Ferroviário:

Composto por trens, esse modal utiliza a malha ferroviária, embora seu uso seja mais comum fora do Brasil, onde os trilhos são mais extensos e bem cuidados. A Pretex também listou o SWOT dele:

Vantagens Desvantagens
baixo custo rotas fixas
grande capacidade de carga depende de um ou mais modais
menos risco de acidentes falta de investimento governamental
maiores transbordos
  1. Aquaviário:

Realizado pela malha fluvial por meio de barcas, barcos, botes e navios. De acordo com artigo:

Vantagens Desvantagens
transporta grandes quantidades tempo de trânsito longo
percorre longas distâncias burocrático na documentação de desembaraço da mercadoria
baixo risco de avarias requer terminais exclusivos para desembarque
baixo custo de carregamentos altos custos com seguros
baixo investimento governamental
  1. Dutoviário:

Possibilitado por meio da implantação de dutos e tubos subterrâneos, submarinos e aparentes.” Conheça os pontos fortes e fracos deste modal:

Vantagens Desvantagens
percorre longas distâncias alto custo
transporta grandes volumes pode causar acidentes ambientais em grande escala
altamente seguro e confiável necessita de licença para atuação
possui trajeto fixo com baixa flexibilidade dos pontos de bombeamento

Mas afinal qual é o transporte ideal para a sua empresa? Isso vai depender do tamanho do seus negócios e das suas necessidades. Mas uma coisa é certa: Independente do modal escolhido, sua empresa deve focar em reduzir os custos com os processos logísticos.

Uma ótima maneira de fazê-lo é distribuir os produtos e insumos de modo mais ágil, eficiente e seguro. Dessa forma, você poderá oferecer a confiabilidade que os seus clientes necessitam e promover a valorização do Brand awareness.

3. Despacho pelos Correios

O método mais comum de envio no Brasil são os Correios. Apesar das reclamações sobre a estatal, este ainda é o jeito mais barato de despachar encomendas.

O serviço de entrega oferece diversas modalidades, as mais comuns utilizadas no e-commerce são o PAC e o SEDEX. A primeira envolve um prazo um pouco maior de entrega, sem a opção de rastreamento.

Já a segunda envolve valores maiores, prazos menores e um código para controlar onde o objeto está. Com isso, você poderá acalmar o seu cliente, de modo que ele entenda que o produto já saiu para entrega, e cabe agora ao órgão direcioná-lo.

O uso de SEDEX também esclarece para o empresário caso haja desvio do produto. Pois, quando uma carga é perdida ou roubada é mostrado no próprio sistema dos Correios.

É importante ressaltar que isso não isenta a empresa da responsabilidade de entregar o produto ao consumidor. Cabe ao dono do e-commerce reembolsar o cliente caso ele desista do negócio ou despachar outra mercadoria.

Você deve estar se perguntando: “Mas e eu? Fico no prejuízo?” Não, mas caberá a sua empresa entrar com um processo contra os Correios para receber o reembolso do valor.

Caso esse infortúnio aconteça contigo, este artigo pode ajudá-lo. Nele a equipe do Nuvem Shop ensina o passo-a-passo do que deve ser feito pelo empresário quando um produto for extraviado.

Ainda sobre os Correios, recomendamos também a leitura dos três textos abaixo:

4. Brand awareness

Outro ponto importante é trabalhar o brand awareness (consciência de marca). Quanto mais vezes o cliente conseguir ver e lembrar da sua marca melhor.

Por isso, é importante estabelecer parcerias que tornem o cliente consciente da existência do produto. Quando uma loja é nova é mais complicado para que as pessoas associem um nome ao segmento.

No entanto, a medida em que uma empresa torna-se reconhecida pelo que faz por seus clientes potenciais, fica mais fácil associá-la a um determinado produto.

Existem inúmeras maneiras de trabalhar isso, falaremos mais a respeito do assunto no futuro. Mas sem dúvidas uma das dicas mais eficazes que podemos antecipar é a respeito dos cuidados ligados as embalagens dos seus produtos.

5. Embalagens

Frequentemente associamos embalagens de plástico transparente e sem rótulos a produtos de baixa qualidade. Afinal, as empresas que confiam no seu produto não tem medo de expor que ele foi produzido por elas.

Mesmo que você seja apenas um varejista pequeno, revendendo produtos de uma distribuidora maior, saiba que ainda assim é possível trabalhar o seu brand awareness na embalagem.

Uma excelente opção para quem envia as encomendas via Correios e quer se destacar dos demais é fazer uso de envelopes de segurança customizados. Aqui na Veloplastic você pode personalizar a estampa como desejar, utilizando as cores de sua empresa ou as que mais gostar.

Além disso, nossos invólucros são super seguros, possuem lacres de anti violação, que permitem ao cliente verificar quando a embalagem foi violada. Oferecendo assim, mais segurança, proteção e credibilidade para os envios da sua empresa.

Não perca tempo! Garanta que os itens do seu e-commerce cheguem de forma íntegra nas mãos do cliente final. Adquira hoje mesmo toda a segurança que só os envelopes da Veloplastic podem te oferecer em nosso website.

Fontes:

https://ecommercedesucesso.com.br/o-que-e-amazon-prime-air/

http://g1.globo.com/economia/seu-dinheiro/noticia/2015/07/demora-e-nao-entrega-sao-campeas-de-reclamacoes-nas-compras-online.html

https://www.prestex.com.br/blog/modais-de-transporte-de-carga-no-brasil-conheca-os-5-principais/

https://www.nuvemshop.com.br/blog/produto-roubado-correios-o-que-fazer/


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *